O que muda com a autorização de cobrança por bagagem despachada?

aviao

Olá amigos, na última postagem trouxe o tema da nova resolução da ANAC aqui para o  blog e falei um pouquinho sobre porque não concordo com ela. Entendimentos a parte, como já previsto ela foi aprovada e hoje vou explicar o que muda de fato para o consumidor.

Primeiramente o prazo para que ela comece a ser aplicada é de noventa dias, que começam a ser contados a partir de hoje. Decorrido este prazo, já não mais existirá a obrigação da cia. aérea de cumprir com nenhum tipo de franquia de bagagem despachada grátis (que até o momento é de 23kg para vôos nacionais). Assim, caso o consumidor opte por despachar alguma coisa, deverá pagar adicional para isto.

Por outro lado, a bagagem de mão que anteriormente era permitida no limite de 5kg, passará a ser de 10kg.

Além disso, hoje também foi estabelecido um prazo de 24h para que o consumidor desista da compra da passagem, desde que ela tenha sido feita com antecedência mínima de sete dias do embarque, com direito a ressarcimento integral do valor pago.

Finalmente, vale o princípio geral do Código de Defesa do Consumidor, de que os clientes devem ter informação clara e especificada sobre tudo aquilo que estão pagando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *